Swipe to the left

Tudo que você precisa saber sobre Kilins

4 de novembro de 2017

Versáteis e perfeitos para decoração nos tempos quentes e frios, os tapetes do tipo Kilim são práticos, estilosos e cheios de história. E hoje, nosso blog entra um pouquinho no universo desse tapete e te conta curiosidades incríveis, acesse e confira:



História

A origem desse tipo de tapete é cercada de alguns mistérios, isso porque não conseguimos determinar o exato momento do início de sua produção. Alguns pesquisadores, estipulam que os primeiros kilins tenham sido produzidos por volta de 8000 a.C, mesmo período de domesticação de carneiros, já outros especialistas acreditam que sua produção tenha sido iniciada por volta de 4000 a.C.

Mesmo não sendo possível determinar com precisão o ano do início das produções, essa peça tinha como necessidade básica, atender as necessidades básicas dos povos nômade do norte da África à Ásia: manter seguras e secas tendas e leitos, além de aquecê-los.

Além das funções básicas, em alguns lugares do Oriente, o mantinham com objetivo mais práticos, como transporte de mercadorias e selas de cavalo, ou utilizados com fins mais especiais, como altar improvisado.


Características Gerais

Por definição, Kilim corresponde ao tapete sem pelos, com forte textura, confeccionados manualmente, sua tecedura tem sustentação horizontal e colorida, são produzidos em tear de madeira, por isso, possuem características ímpares. São feitos de lã ou seda.


Tipos

Kilim Ikat: Muito tradicional em países como Camboja, Guatemala, Espanha, Índia e Indonésia, o estilo ikat retrata diferentes estilos, já que existem muitas influências culturais. Com uma história antiga, essas peças são produzidas hoje com estampas típicas.

Kilim Caucasiano: Definidos pelo tipo de trama do tapete, os caucasianos são caracterizados pelo estilo geométrico, assim como tendência em desenhos abstratos e cores intensas. Compostos por polígono grandes e pequenos, as vezes podem apresentar desenhos florais, formas estilizadas e humanas.

Kilim indiano: Com desenho propositalmente não simétrico, os kilins indianos são compostos com tons elegantes de azul sobre fundo natural.


Decorando com Kilins

Além de lindos, kilins são práticos! Como são leves, é mais fácil realizar a manutenção dessas peças, além de ser diferente de outros tapetes, o kilim pode ser usado dos dois lados. Sua matéria-prima principal é a lã, mas é possível encontrar peças mais finas, confeccionadas por seda.

Para muito além de tapetes, os kilins podem ser inseridos de outras formas na decoração, além de revestir estofados, é possível ainda vestir as paredes, substituindo quadros e pôsteres com a personalidade misteriosa dos kilins.


Gostou ou ficou com alguma dúvida, deixe seu comentário.